Hogwarts 3.0

  • INFO
  • NEWS
  • STAFF
  • CRÉDITOS
Seja bem vindo a Hogwarts Anime, um RPG baseado em Harry Potter que se passa mais de 100 anos depois da morte de Voldemort. Os photoplayers usados são apenas de anime, hq e de jogos, os avatares têm o tamanho de 200x400 e as assinaturas tem limite máximo de 500x300.

Agosto de 2123.
Dezessete anos após a guerra contra a Inquisição Moderna. Ex-alunos e docentes de Hogwarts estão se preparando para uma reunião dentro do castelo, enquanto os novos alunos da escola fazem seus preparativos para irem a Hogwarts.
24/11▼
23/11▼Fim da Trama "Guerra da Inquisição" ▼
HOGWARTS ANIME é um fórum baseado na obra de J.K. Rowling, mesclando outras mitologias modificadas pela Administração do RPG. Todo o conteúdo do fórum é propriedade de seus Administradores, Moderadores e seus respectivos usuários. É um fórum de temática potteriana, e nasceu com o objetivo de trazer diversão aos seus usuários, visando sempre o respeito entre os membros. A skin foi totalmente produzida por Eduardo Brito (DZ) e Fernando Wecker (Lee), com auxílio do widget por Kismet (RPG-Directory.com), com design de Lorena Schveper (Juls), com imagens de ZeroChan, Pottermore e DeviantArt e pertencem aos seus autores. Entretanto, se proibe cópia de imagens e códigos sem a autorização prévia de seus criadores. FÓRUM PROTEGIDO PELA LICENÇA CREATIVE COMMONS 3.0! Licença Creative Commons.

Sala de Treino

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Sala de Treino

Mensagem por Oziel Osshëru em Qui Fev 07, 2013 7:13 pm

Ampla, com dois ambientes diferentes, a Sala de Treino é o lugar mais frequentado pelos soldados. Dispões de armamento básico para treino: arcos simples, espadas de ferro gastas, armaduras usadas e mais alguns tipos de armas simplórias para uso variado, como adagas ou lanças. Há algo que remete aos quatro elementos: Uma fonte de água, vasos de plantas espalhados, archotes de fogo nas paredes e uma claraboia acima da fonte que deixa o ar de fora entrar. Um ambiente da sala é simples, iluminado pelos archotes, e possui bonecos de treino articulados caso necessário. O outro ambiente dá-se por uma porta e é bem maior, feito completamente de madeira, e com quase nenhuma iluminação. As vigas são utilizadas para treinos de camuflagem e reflexos. Nada aqui é enfeitiçado ou possui qualquer resquício de tecnologia.
avatar
Oziel Osshëru
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 119
Galeões : 11941

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Oziel Osshëru em Qui Fev 14, 2013 8:52 pm


the protector
Não usava sua armadura, o que era algo realmente raro. Usava apenas o habitual kimono branco de duas peças, para treino militar, de tecido reforçado. Usava as faixas vermelhas entrelaçadas no peito, denunciando sua alta patente no exército elfo. Mas não era preciso ser nenhum expert em adereços para saber quem ele era: Cabelos longos e prateados, alto, postura imponente, olhos amarelados frios e calculistas. Nenhum traço de sorriso no rosto. Era o General Osshëru. Havia passado todos aqueles dias fazendo os últimos ajustes pelo Quartel e refortalecendo muitos dos feitiços por ele instalados. A armadura gasta repousava em sua sala, e tudo o que ele trazia consigo era sua espada na cintura, que também não estava lá em muito bom estado. A longa temporada de exílio para treino no mundo humano não tinha deixado seus armamentos mais fortes, apenas seu corpo. Mas era o suficiente. Ficou por ali, examinando alguns dos arcos e lanças, se certificando de que eram decentes o bastante para os soldados que estavam por vir. O treinamento logo começaria, afinal.

GENERAL
CANNON
DRINAEL
diseñado por shiki @ sourcecode
avatar
Oziel Osshëru
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 119
Galeões : 11941

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Van der Hënker em Qui Fev 14, 2013 9:24 pm

ㅤㅤ Sua passagem pelo pátio fora breve. Apesar da bênção de um céu límpido, não estava ali para admirá-lo. Tomara sua decisão no momento que fez sua promessa diante das estrelas que olhavam por ele. Seguiu pelo interior da estrutura até sentir um cheiro familiar que vinha de uma sala em particular. Quando chegava na porta avistava Oziel que pacientemente aguardava a chegada dos recrutas. Juntava o braço esquerdo ao corpo e levava a mão direita até a testa de maneira que ela ficasse na horizontal. – Senhor, Van der Hënker se apresentando senhor! Ficava ereto em posição de continência. Olhava a sala e vislumbrava as condições de treino que se submeteria. Por ali tinha armas, armaduras e um ótimo espaço para movimentos bruscos. Haviam outras ferramentas para exercício também, mas o que mais agradava Hënker era a presença dos quatro elementos. Uma vez que tinha uma conexão especial com a natureza e uma criatividade admirável, considerava aquilo uma vantagem. A análise foi momentânea, eram apenas observações feitas para se preparar. Enfim saía da postura de continência e esperava que Oziel permitisse sua entrada.
avatar
Van der Hënker
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 600
Galeões : 14882

Ficha de Personagem
Sangue: Puro
RESUMO DO PLAYER:

https://twitter.com/PedroSantanaq

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Aileen Keth Heel em Qui Fev 14, 2013 9:35 pm

Aileen cantarolava baixinho enquanto caminhava pelo quartel, os pequenos lumys tinham se encaminhado para o dormitório, quando sentia cheiros familiares, então ela mudava o caminho indo em direção a sala de treino, ao chegar por lá via seu General e o colega de guarda, logo deixava o bastão junto ao corpo, batendo em continência.

__ Aileen se apresentando Senhor.

Isso significava que o treino de ambos estava para começar, a elfa sentia-se super animada, finalmente o tão esperado treino começava, respirava fundo só então olhando o lugar, amplo e ligado a natureza, o som também era agradável de alguma forma, então dava alguns passos adentrando o lugar, vendo o armamento, apertando o bastão na destra, afinal o bastão era seu fiel companheiro de batalha, sabia usar outras armas, no entanto o bastão era sua especialidade, então voltava a fitar General esperando por sua ordem.
avatar
Aileen Keth Heel
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 116
Galeões : 11497

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Oziel Osshëru em Qui Fev 14, 2013 10:00 pm


the protector
Escutou os passos enquanto estes ainda atravessavam o pátio anterior à sala. Agradou-se do fato que os elfos se mostraram realmente pontuais à convocação do treino. Era um bom começo. Mas não demonstrou nenhuma satisfação aparente. Não era seu modus operandi. - Descansar. - Anunciou, em tom grave, em resposta às continências, a postura ainda tão imponente quanto sempre, mesmo que estivesse sem a armadura costumeira. - Entrem, aspirantes. Vamos esclarecer algumas coisas antes de começar. - Disse, a voz ríspida, e aguardou que eles assim o fizessem. - Já sabem que devem me tratar como General, de agora para sempre, assim como devem prestar continência e respeito total. Não tolero desobediência a ordens diretas, e a fraqueza é algo que não considero digno de um ser como nós. - Foi dizendo, as mãos para trás das costas, dando alguns passos de um lado para o outro devagar, em frente aos dois. - Até que passem por todas as etapas do treinamento, serão chamados de aspirantes. Uma vez que conseguirem se formar, e só então, serão chamados de soldados. - Parou agora, olhando-os friamente. - Vocês são fiéis à Rainha, à seu General, à sua Capitã, à seus companheiros, ao nosso povo, e à sua pátria. São devotos a Gaya, e à natureza, e a ela servem por igual. Jamais devem tomar quaisquer ações que desrespeitem aqueles a quem representam, ou serão punidos severamente. Jamais fraquejarão, jamais demonstrarão medo, jamais serão acuados. E com o tempo, e com o treino, aprenderam que estes sentimentos são descartáveis. Não mais os sentirão. Terão em seus corações apenas a bravura e a determinação que sentem agora, e a dedicação pelas causas às quais aqui se apresentaram, diante de mim. E perante mim, devem jurar que estas são as normas que seguirão. Agora. - Concluiu, o tom de comando nítido, dando a entender que a declaração de concordância a tudo deveria partir deles. E só depois de receber a resposta, continuou o discurso. - As etapas do treinamento élfico não são apenas físicas, mas mentais e emocionais. Nosso povo tem mais sabedoria, força e qualidades, que muitos de nós jamais poderão compreender completamente. Entretanto, quanto mais conhecemos nossos corações, mais controlamos nossa mente, mais dominamos nosso corpo. Somos um e por isso, somos muitos. Somos muitos e por isso, somos um. Entendido? - Sua pergunta soou alta e firme pela sala, esperando ser respondida. E então, ele concluiu, os olhos amarelados se estreitando, o tom se tornando quase cruel. - Na batalha, não há fraquejamento. Não há hesitação. Se forem fracos, morrerão. E o inimigo, queira ele nossas terras, nosso poder ou servidão, jamais descansará enquanto seus arcos não estiverem quebrantados como seu corpo e espírito. Se não estiverem preparados para as verdadeiras batalhas, este não é seu lugar. Estão prontos para começar?

GENERAL
CANNON
DRINAEL
diseñado por shiki @ sourcecode
avatar
Oziel Osshëru
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 119
Galeões : 11941

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Van der Hënker em Qui Fev 14, 2013 10:32 pm

ㅤㅤ Aileen aparecia e, Hënker finalmente escutava o pronunciamento de seu superior, permitindo-lhe a entrada. Dava dois passos a diante, pois percebia que antes que pudesse iniciar com o treinamento propriamente dito, Oziel prepararia o espírito de cada um dos recrutas ali presente. Ele parecia um tanto determinado para provar a bravura tanto de um quanto de outro. O inexperiente rapaz captava cada palavra dita por seu comandante, mas ficava parado, fixando seu olhar de admiração e respeito em Ossheru, que fazia as ponderações para tornar-se um drinael exemplar, leal, guerreiro e digno de proteger o seu bem mais valioso: sua terra e seu povo. Mantendo sempre a postura ereta em respeito a autoridade, o rapaz começava a desenvolver desde já uma mentalidade mais madura e aceitável para seu almejado serviço. Óbvio que as palavras não eram tão duras quanto a realidade provaria ser se por um acaso um ataque realmente ocorresse, mas exatamente por ainda julgar-se incapaz de resistir a dor da guerra e a surpresa de um ataque, o garoto teve a pretensão de engajar no quartel. Refletia seriamente em cada verbete lançado por seu instrutor. Os membros da realezas e Gaya certamente eram as coisas mais sagradas, se não para o povo de Mirakel, para Van der Hënker. O espírito jovial era árduo e perpétuo. Se estivesse numa batalha, jamais pensaria em acovardar-se e abandonar alguém, faria de tudo para salvar alguém que julgasse ser correto. – Senhor, eu juro em nome da Rainha, em nome do General, em nome da Capitã, em nome de nossos companheiros, nosso povo e nossa pátria que honrarei minha devoção para com Gaya e a natureza. Honrarei meu compromisso em batalha! Jamais pensarei em desrespeitar-vos ou tomar ações egoístas. Eu juro pela minha determinação, pela graça de Mirakel e pelos falecidos que tratarei como prioridade pregar o devido respeito que nós merecemos! Bradava convicto. Estava certo de suas promessas, não fraquejaria jamais. As orelhas escutavam algumas palavras a mais. – Entendido! Era breve em sua resposta, permitindo que Oziel continuasse a ditar as regras. Por último exclamava bravamente: – Senhor, sim senhor! Estava deveras animado, mas demonstrava sua alegria silenciosamente, apenas exibindo uma expressão de determinação.
avatar
Van der Hënker
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 600
Galeões : 14882

Ficha de Personagem
Sangue: Puro
RESUMO DO PLAYER:

https://twitter.com/PedroSantanaq

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Aileen Keth Heel em Qui Fev 14, 2013 11:01 pm

Por fim o General dava a ordem de 'descansar' e assim ela fazia, admirada com o lugar de certa forma, então, o Senhor começava a falar, suas palavras impactantes era gavadas em sua mente e coração, afinal eram seu presente e futuro, servir a Mirakel, devia sua vida a família real, e ela pagaria em sangue se preciso, o passado retornava a sua mente de forma forma brusca e dolorosa, o que tivera de passar para poder chegar a suas respostas, o orgulho que mantivera a qualquer custo, seu passado ao lado dos pais, tudo a empurrara para essa decisão, fora moldada para batalha na própria batalha, então ela que mantinha o olhar firme no General ouvindo suas palavras pela primeira vez após a entrada se pronunciava.

__ Por Gaya, por minha tão amada Rainha, pelo meu Senhor, pela Capitã... Aqui perante seus olhos, juro lealdade a Mirakel, a minha vida a cada habitante de nossas terras, principalmente por aqueles que presam por nós a família real, dedicarei cada gosta de sangue para proteger este povo, esta terra sagrada, que por direito pertence aos Drinaels, prometo dar a minha vida pelos nossos.

Cada palavra tinha certa um impacto no ar, a voz firme e convicta, Aileen tinha certeza de suas palavras e as falava com o coração, a postura ereta, a mão apertando o bastão, o olhar ferino, tudo indicava a verdade nas palavras da Drinael. Logo o Senhor voltava a falar e ela meneava positivamente com a cabeça.

__ Senhor, sim Senhor.

A palavras do General a advertiam, mais ela já tinha traçado seu caminho, e não iria da para trás agora, afinal era o destino dela, e iria se fortalecer neste caminho, forjada ao calor da batalha.

__ Meu espírito e corpo foram forjados especialmente para batalhar senhor, não pretendo fraquejar.
avatar
Aileen Keth Heel
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 116
Galeões : 11497

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Oziel Osshëru em Qui Fev 14, 2013 11:36 pm


the protector
As palavras dos aspirantes eram firmes e obedientes à hora de responderem, sempre dispostos, sempre mostrando bravura. Mas quando não há o fio de uma espada apontada para o coração de quem você ama, todos são bravos e dispostos. O General os analisou por um longo tempo, o silêncio ressoando depois das palavras de ambos. Por fim, ele fechou os olhos e sentenciou, gravemente - Então agora, suas vidas não pertencem mais a vocês. Suas vidas pertencem à Mirakel. À nossa raça. Aos Drinaels e à natureza. Ao todo, e não ao uno. E por isso, serão domadores de si. Quando a si tiverem domado, terão seu mundo nas mãos. Na ponta do arco. E a mira deverá ser perfeita, sem erros. - Pareceu divagar, e por fim, mostrou seu ponto - Eu tive de assistir ao rei morrer. Eu tive de ver meu povo ser massacrado, portando apenas uma espada e uma aljava sem flechas. Primeiro, foram os bruxos. - Ia dizendo, o rancor encrustado na voz. - Os bruxos da antiguidade, próximos da era de Cristo e sua sede insaciável de poder. Sodomizaram nossos iguais. Famílias inteiras pereceram contra à ordem da escravidão. Quase nenhum de nós escapou. E eles ainda mantém consigo alguns de nossos pobres ancestrais escravos, em estado lastimável, um misto entre o que éramos e o que eles são. O que eles chamam de "elfos domésticos", se é que o termo poderia ser pior. - Oziel quis cuspir as palavras como se fossem um veneno antigo que lhe roía, mas ele não tinha terminado. - E então, fugimos. Os poucos de nós que viveram, fora de cativeiro, encontraram esta ilha, esta terra. Quase mortos, fomos aos poucos revividos pela cura da Rainha, por sua dedicação às terras, por nossa disposição em erguer lares e barreiras contra aqueles que poderiam nos querer escravizar outra vez. Por muito tempo, Mirakel floresceu, cresceu e se tornou o que é hoje em nossas mãos: próspera, pura, forte. E se abateu sobre nosso povo, recém-recuperado, o segundo desastre: As fúrias. - E ele então se calou por um tempo, o clima tão pesado que era quase difícil respirar sem sentir-se culpado. - Gananciosos, clamavam ser injusto que nós possuíssemos tantas terras férteis e não deixássemos as outras raças desfrutarem de nossa prosperidade, de nossa cura e proteção. Queriam tudo o que tínhamos. Diziam que "Arthas precisava amparar os seus", assim como um dia nos amparamos. Mas eles nunca experimentaram a dizimação para entenderem o que é a verdadeira necessidade. E esses seres que se clamam justiceiros, diante de nossa negação em ceder as terras e serviços, invadiram o que era nosso, e mataram quase toda a nossa guarda. A luta ainda acontecia do lado de fora do palácio, quando Héracles, um dos líderes, invadiu o salão real. - Ia contando, agora já distante, a cena revivida mentalmente. A cena que passou tantos anos no mundo humano lutando para vingar. Mas sua voz ainda era mais afiada que a lâmina de sua espada. - A Rainha estava com a Princesa. Ela a mantinha nos braços, acalentando, pois Elleanor era apenas uma criança que ainda não entendia a vilania da guerra. Idriel empunhava uma espada, não muito mais velho que a Princesa, mas treinado por mim o suficiente para fugir com elas se fosse preciso. Natanael, meu irmão, não aceitou o que eu disse. Eu temia pelo nosso povo e família, e lhe aconselhei que os protegêssemos, que fugíssemos para os confins das florestas, que não derramássemos mais nosso sangue. O Grande Rei não quis esta opção. Antes que pudéssemos terminar de discutir se batíamos em retirada ou morríamos em batalha, Héracles adentrou o cômodo, se dizendo um mensageiro de sua raça. Disse que nossas terras pertenciam a todos. Nós negamos. Ele desafiou o Rei. E o Rei aceitou, pois sabia que aquilo era o certo perante o esforço de seu povo. - Uma pausa. Foi breve, e o momento de silêncio terrível se foi tão logo quanto veio - Antes que pudéssemos impedir o Rei, ele cruzava a espada contra o líder Fúria. A Rainha tentava desesperadamente interferir na luta, e eu só conseguia contê-la, e afastar a princesa da luta, que ia-se sangrenta e implacável. A Rainha é mais forte do que aparenta, e resistir às suas habilidades daquela forma foi uma das coisas mais terríveis que já tive de fazer. E então, quando os dois estavam em exaustão, aconteceu. Meu irmão, o Grande Rei, caiu morto. - Silêncio total. Oziel não demonstrava expressão. Não tinha sentimento algum na face, exceto a seriedade que sempre mantinha, a postura imponente, incontestável. Seu olhar amarelado fixo em ambos ali. Sua voz voltou, no mesmo tom bruto de antes. - A Rainha, abalada, correu para o corpo morto de meu irmão. Idriel tentava esconder da Princesa a visão de seu pai ensanguentado no salão. Héracles, exausto, à beira da inconsciência por causa da luta, recebeu meu golpe de espada com resistência, mas não o suportou. Eu tinha seu corpo desacordado à merce da vingança. Mas quando você serve à um povo, é nele que tem de pensar. E se eu matasse aquele líder, estaríamos em guerra com as Fúrias em nosso palácio até hoje, nosso sangue sendo derramado aos montes. Eu troquei o líder derrotado pela retirada das criaturas de Mirakel. Conformadas com a queda de Héracles, e abrandadas pelo risco de vê-lo morto pela minha espada, elas se foram. Assim como o Rei. Assim como o que restava de direito à misericórdia e compaixão à nossos guardas. Assim como seus medos e receios se irão. Pois quando a espada cruza o peito daqueles a quem você ama, não há tempo para o arrependimento ou bondade. É preciso ser mais que o guerreiro vingativo. É preciso ser o protetor da nação. Este será o serviço de vocês a partir deste treino. É isto que precisam saber até aqui. - E calou-se abruptamente. O silêncio que veio em seguida, sugeria uma resposta da parte dos aspirantes. Depois daquela lição sobre sua raça, suas batalhas, não haveria mais nada que os pudesse fazer voltar.

GENERAL
CANNON
DRINAEL
diseñado por shiki @ sourcecode
avatar
Oziel Osshëru
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 119
Galeões : 11941

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Van der Hënker em Sex Fev 15, 2013 12:21 am

ㅤㅤ O tom sério na voz do general não intimidava Hënker. Era necessário pulso firme para compreender seus métodos e entender seu passado e foi logo nisso que o instrutor focou. Mais uma vez punha-se a escutar tudo que era proferido. Com a primeira parte do discurso subsequente entendeu que emoções deveriam ser postas de lado durante a patrulha. Se Mirakel solicitasse ajuda, qualquer empecilho emocional ou mental devia ser ignorado para um bem maior. Começava a entender um pouco da personalidade de Osshëru, mas isso enquanto se continha de raiva em relação ao tema abordado. Os bruxos foram os únicos culpados pela morte da família de Van der Hënker. Toda uma geração escravizada pelos feiticeiros. Aquilo doía lá no fundo. Sentia-se desconfortável por ter de lidar com a perda de seus pais, mas afim de mostrar profissionalismo limitou-se a franzir as laterais do nariz. As sobrancelhas arqueavam-se declinando conforme iam centralizando no rosto do rapaz. Sabia de toda a história que envolvia estes desprezíveis seres. Sua natureza calma e carismática transformava-se só de ouvir palavras que remetessem bruxaria. Batalha de Ledile... Era impossível que um drinael não tivesse ciência sobre. Logo o foco do assunto ia para outra raça. Hënker não guardava ressentimentos contra as fúrias, mas a maneira com a qual sua excelência lhe falava. O modo como ele pausava as frases, era perceptível certo incômodo em relação ao assunto Fúrias. Isso desencadeava no novato guerreiro uma desavença sem explicação. Sabia que a história narrada por Oziel era verídica e por esse motivo estava apto a carregar as dores de seu general consigo. Ficou impressionado ao escutar o nome Héracles. Quem diria que, em sua primeira ida à Arthas, tinha conhecido inconscientemente o líder das Fúrias. Sua mente se embaralhava, não tinha noção de que aquele homem aparentemente comum era o comandante dos “justiceiros”. Lembrou-se apenas que Iustitia havia lhe arrancado lágrimas dizendo sobre a perversidade que tinha provocado no reino de Mirakel. Ficava um pouco mais receoso para com esta raça autoritária e aparentemente hipócrita. Não podia tolerar os atos que sucederam-se segundo o conselheiro. Era de amargar a sensação que tomava o drinael. Os olhos esverdeados aos poucos acirravam-se numa expressão de desconforto, pois queria fazer algo sobre, porém, não tinha ainda a autoridade e competência para. Seu Rei faleceu graças aquele ser. Não fazia ideia... As lágrimas da Rainha, o choro da Princesa, a angústia do General e o sofrimento do povo. Tudo isso aglomerava-se na mente de Hënker que apenas deixava bem fixado e preso a memória. Fazia questão de não perder uma sílaba dita por seu superior. Tudo aquilo deixava o destemido rapaz ciente de suas obrigações como futuro soldado. Agora sim estava bem explicada a função de deixar os sentimentos de lado... Podia ser tanto ao ver um ente querido ser ameaçado ou então ao negar o prazer da vingança para um bem maior. Era um orgulho e tanto estar diante de um guerreiro como Oziel, que esbanjava bom-senso e destreza, e, ainda por cima era dotado com uma mente brilhante e capaz de pensar no todo antes de agir.
avatar
Van der Hënker
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 600
Galeões : 14882

Ficha de Personagem
Sangue: Puro
RESUMO DO PLAYER:

https://twitter.com/PedroSantanaq

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Aileen Keth Heel em Sex Fev 15, 2013 12:34 am



Merin sa haryalye alasse!
Aileen Keth Heel



O general voltava a falar, dessa vez sobre a história de seu povo, como fora sofrido a trajetória dos elfos.. Como foram massacrados pelos malditos bruxos, que escravizaram os elfos por tanto tempo e que ainda o faziam, um tempo de isolamento fugir para um outro lar, terra a qual acolheu seu povo, fez-se berço para os Drinaels, no entanto tudo que é bom dura pouco, e assim foi-se o tempo de paz, e as fúrias atacaram, quem eram elas para julga os seus? Não sabiam nem da metade sobre o passado arrasador dos elfos e admitiam ter o poder para julga-los, repugnante, horrendo, o massacre fora tão fatal que levara o Rei Natanael... Sentimentos confusos... Mais aprisionados.

Aileen não demonstraria emoções assim como seu General, ele entre todos os outros era o que poderia estar sofrendo, e se enclausurando, no entanto lá estava o conselheiro do reino Oziel Osshëru, emanando poder e disciplina, um exemplo aos velhos e aos jovens elfos, um exemplo a ela... Ele lhe lembrava vagamente seu pai de alguma forma, mais eram lembranças sem rumo, quando escolhera se desapegar dos sentimentos passados esquecera de sua família, de seu pai.

Ela já tinha firmado um contrato, um compromisso e iria até um fim, aspirante hoje, e no amanhã um soldado disposto a entregar sua vida em batalha, era assim que ela era, e assim que viveria, suas voz então soava firme e serena, poderia se repreendida pela ousadia, mais era o que seu coração falava.

__ Não podemos mais lamentar pelo passado.. E sim visar o futuro da nossa raça, olhar para o amanhã Senhor.


Êl síla ned lû e-govaded vín.!
avatar
Aileen Keth Heel
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 116
Galeões : 11497

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Oziel Osshëru em Sex Fev 15, 2013 12:52 am


the protector
O silêncio do primeiro falava alto. Parecia que suas palavras tiveram o efeito que deveriam ter tido desde o princípio: reflexão. Do tipo mais profundo. Pois todos os elfos haviam sentido o efeito direto de pelo menos uma das duas grandes guerras de sua raça. Era o que bastava... Que aqueles dois soubessem o porque lutariam. Não seria por uma causa vã, nem por uma corte desconhecida. Tanto menos para um superior tirano. Eles seriam parte de uma unidade perfeita. E como unidade, teriam de ser moldados com toda a história que pudessem ter em mãos. A segunda pareceu um tanto mais agitada, e as palavras se fizeram dela presentes. Oziel parou os passos que até então estava dando de um lado para o outro, de lado para ambos ali, olhando para um ponto distante. - Olhar para o amanhã, sim. - Repetiu, mecanicamente, e então direcionou outra vez o olhar ferino para ambos. - Zelar pelo amanhã. - Finalizou, o tom encorajador. Virou o corpo de frente e fez uma breve menção de respeito. - Esta foi a primeira lição de vocês. Espero que a carreguem com o cuidado certo até nosso próximo encontro para treino. Estejam preparados. Estejam alertas. Estejam sempre unidos. Estão dispensados, aspirantes. - Sentenciou, em seu tom habitual de seriedade, mas ainda com o quê de encorajamento anterior. E então, virou-se e se retirou, parando apenas um instante para um - Boa noite - seco, e se foi pelas portas, cruzando o pátio e sumindo pelo Quartel.

GENERAL
CANNON
DRINAEL
diseñado por shiki @ sourcecode
avatar
Oziel Osshëru
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 119
Galeões : 11941

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Van der Hënker em Sex Fev 15, 2013 1:15 am

ㅤㅤ As palavras que faltaram para si próprio foram ditas por Aileen. Palavras estas que interagiam com o raciocínio do General. “Zelar pelo amanhã”... Nessa mensagem haviam vários significados omitidos. Poderia ser em relação aos jovens, poderia ser em relação a prosperidade, poderia ser sobre qualquer coisa que fosse, mas implicava certamente no dever para com Mirakel. Tudo que havia presenciado e escutado ali, foi absorvido pela mente que aos poucos ia guardando conhecimento para quando lhe fosse necessário, porque útil seria sempre. Apesar da história toda, Hënker não semeava o ódio e raiva, então respirou fundo ao fechar os olhos, tentando acalmar seu espírito. O fato de estar diante de um homem de tanto respeito e princípios, inspirava o garoto que tinha apenas a aprender. Era necessário paciência para entender certas coisas e discernir outras. Não podia ser tomado pela raiva de outras raças assim repentinamente, pois sabia que isso não iria lhe fazer bem. Talvez lhe transformasse num ser completamente diferente, então tentou manter-se neutro sobre algumas questões, mas não esquecendo dos fatos. Pois até mesmo Oziel havia deixado a vingança de lado. Era uma virtude saber a hora certa das coisas, e assim crescia internamente o bravo rapaz. Refletindo bastante e acreditando que pressa e perfeição fossem extremos, tentava reavaliar algumas coisas que já havia feito e coisas que estariam por vir. Estava tão “ausente” que quase não percebia a aproximação do General. – Boa noite senhor. O punho direito ia de encontro à palma da mão canhota enquanto Hënker curvava o tronco em direção a seu superior que passava pelos aspirantes e enfim desaparecia ao sair pela porta. Ficava ereto novamente e respirava fundo. Precisava refletir mais um pouco sobre algumas coisas. Mas ainda tinha de lidar com sua amiga. – Aileen, tenha uma boa noite também. Vou nessa. Disse enquanto já se dirigia para fora da sala.
avatar
Van der Hënker
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 600
Galeões : 14882

Ficha de Personagem
Sangue: Puro
RESUMO DO PLAYER:

https://twitter.com/PedroSantanaq

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Aileen Keth Heel em Sex Fev 15, 2013 9:37 am



Merin sa haryalye alasse!
Aileen Keth Heel


O general parecia contemplar as palavras. parado agora, deixando que os pensamentos o levasse, apesar da voz baixa ela ouvia perfeitamente, o sussurro, ele refletia em suas palavras, então quando ele voltava a falar agora firme e fitando aos dois aspirante, Aileen tomava a postura novamente, a partir dali teria de se acostumar com certas coisas, que ela tentava prender mais por vezes era difícil suportar, mais agora tinha um motivo maior além de orgulho.

Zelar pelo amanhã, ela o faria, como sempre fizera desde aquele dia, o ódio a consumia, os respingos da guerra, depois de anos ela ainda existia, a nesse tempo ainda podia existir, de alguma forma nunca estariam livres da guerra, esse pensamento era esmagador mais a realidade, esteve perdida por tanto tempo que agora a realidade era um choque, tinha certeza que tinha guardado os sentimentos a sete chaves mais por algum motivo suas próprias palavras
abriram o baú os liberando, algo quente, tão quente e insuportavelmente horrendo, não queria, e nem podia mais.

Era despertada de seu frenesis novamente, o General se despedia, e ela inclinava o corpo a frente em uma breve reverência.

__ Boa noite Senhor.

Quando o General saia ela respirava fundo, pensando 'Zelar pelo Amanhã' de alguma forma ela se prendera ao passado, acreditando estar rumando ao futuro... Engolia em seco, segurando o bastão firmemente, quando novamente uma voz lhe puxava, era o outro elfo, ela erguera o olhar o fitando, um breve aceno de cabeça.

__ Claro, Até...

Era somente o que ela havia dito, não tinha mais o que falar, seu pensamento era tumultuado, precisava retomar a concentração e frieza de sempre, mais rápido o possível, assim ela saia dali... Decidida a se tornar uma Guarda.

Êl síla ned lû e-govaded vín.!

avatar
Aileen Keth Heel
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 116
Galeões : 11497

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Oziel Osshëru em Sab Mar 02, 2013 12:15 am


the protector
Estava sem a armadura outra vez. O dia exaustivo de serviço o havia simplesmente esgotado. Mas Oziel era um elfo acostumado ao serviço pesado, ainda mais quando este se relacionava com o reino ao qual ajudou a erguer. Planos para o povo, próximos eventos, época de colheita, fortalecimento militar. Perdia a conta das reuniões que tivera. Em sua sala, ele desarmou-se. A armadura gasta precisava de uma folga, mas nunca Oziel. Poderia estar esgotado, mas nunca se negava ao serviço. Nunca descansava. Não enquanto Mirakel não estivesse em seu auge. Chegou à sala de treino e aguardou a chegada dos aspirantes, como os havia informado por mensageiros do reino. O treinamento estava acontecendo, mesmo que esparçadamente. Logo, teriam mais soldados na guarda, e aquilo era algo que valia a pena estar ali, ter construído aquele quartel com as próprias mãos. Era hora de construir um novo futuro. Um mais forte, um mais poderoso. Um muito mais digno.


GENERAL
CANNON
DRINAEL
diseñado por shiki @ sourcecode


Última edição por Oziel Osshëru em Sab Mar 02, 2013 12:27 am, editado 1 vez(es)
avatar
Oziel Osshëru
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 119
Galeões : 11941

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Aileen Keth Heel em Sab Mar 02, 2013 12:24 am



Merin sa haryalye alasse!
Aileen Keth Heel



Então já que tinha chegado no quartel mais cedo do que previsto a mulher aproveitou um pouco para dormir, na hora certa acordava e vestia sua vestes de batalha, então por fim se dirigindo a sala de treinamento com seu bastão em mãos, dessa vez as madeixas quase brancas estavam amarradas em um alto rabo de cavalo para que não atrapalhasse no treino.
Ao chegar na sala logo se deparava com o general, sorria ao mesmo, e logo batia em continência levando a mão direita a testa.

-- Aileen se apresentando Senhor.


Spoiler:
curtinho também, o que o sono permite ):


Êl síla ned lû e-govaded vín.!
avatar
Aileen Keth Heel
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 116
Galeões : 11497

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Van der Hënker em Sab Mar 02, 2013 12:35 am

ㅤㅤ Graças aos mensageiros enviados por Oziel, Hënker pôde ser notificado sobre o treino a ser realizado nessa noite, e apesar de toda sua empolgação costumeira, ele tentava manter-se sério conforme trocava passos pelos corredores do quartel, pois desejava estar devidamente apresentável. Desde sua última aparição na sala de treino, algumas coisas ficaram martelando em sua mente. Aqueles pensamentos tirava-lhe o sono, até porque o aspirante a soldado era muito novo e ingênuo, não podia sequer acreditar que existiam pessoas capazes de tais atrocidades como fizeram os bruxos e fúrias, mas mesmo assim seguia seu legado e sua palavra prometida diante do conselheiro de Mirakel.
ㅤㅤ Quando dava por si, Hënker já estava a porta da sala de treinamento. Desta vez não se admirava tanto como tinha feito da primeira vez que por ali pisara. Em continência cumprimentava seu superior: – Boa noite General Osshëru! Van der Hënker as ordens! Mantinha o olhar fixado ao homem esperando por alguma ordem ou fala. Assim que escutasse a voz dele, tomaria liberdade para sorrir para Aileen, cumprimentando-a discretamente.

avatar
Van der Hënker
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 600
Galeões : 14882

Ficha de Personagem
Sangue: Puro
RESUMO DO PLAYER:

https://twitter.com/PedroSantanaq

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Oziel Osshëru em Sab Mar 02, 2013 12:54 am


the protector
Chegaram ambos dentro do horário. Lhe cumpriram as continências. Oziel parou diante dos dois, o semblante firme e sério como sempre, os olhos ferinos, dourados, os analisando como fazia toda vez. - Descansar. - Comandou, em tom seco. Seu tom de voz comum. Em seguida, tornou a fala - Boa noite, Aspirantes. Espero que tenham feito aquecimentos neste intervalo de tempo, pois ele acaba de encontrar seu fim. - Pausou, olhando-os firme, deixando as palavras ecoarem como uma sentença. - Em nosso último encontro, conheceram a história de nosso povo. Entenderam que servimos à uma nação, como um todo, e por isso, servimos também à nós mesmos. Pois é na união que encontramos força, e a força da união está na unidade. Somos um, e somos muitos. - Uma nova pausa. Levou as mãos atrás das costas. Continuou - Acredito que vocês estão verdadeiramente preparados para isso. Se são merecedores de fato, caberá à Gaya decidir. Até lá, estão sob meu total julgo, e por isso, se submeterão à inúmeros testes. Testes de força, de destreza, de estratégia, de controle, de emoção e de mentalidade. Serão treinados de dentro para fora. De fora para dentro. Por completo. - Parou. Deu três passos para trás, imponente, e fixou-se. - Esta noite, eu conhecerei vocês, como vocês me conheceram. Como vocês puderam entender o que me movia. Esta noite, começaremos a trabalhar em vocês, não mais em nossa história. Fortificaremos a unidade. Quero que me contem o que os move para estarem aqui. Se perderam alguém para a guerra. Se acabaram feridos. Se viram outros morrerem. Quero saber quem são. Se preferirem, faremos isso em particular, um de cada vez, no outro ambiente. - E apontou as cortinas ao fundo da sala. - Mas se não fizerem questão, podem começar a falar. A etapa seguinte exigirá mais, é bom que preparem-se por completo. - Finalizou, a compostura impecável. Era hora de conhecer aqueles que lhe devotariam os esforços. Que derramariam sangue junto a ele. Que amariam sua pátria e seu povo como iguais. Era hora de caminharem juntos em direção à um só.

GENERAL
CANNON
DRINAEL
diseñado por shiki @ sourcecode
avatar
Oziel Osshëru
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 119
Galeões : 11941

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Van der Hënker em Sab Mar 02, 2013 2:05 am

ㅤㅤ Analisou a movimentação de seu General até que este o mandou descansar, assim abaixou o braço direito e manteve o corpo ereto enquanto as mãos encontravam-se nas costas, mantendo a compostura. Logo foi escutando o passo-a-passo da explicação de Oziel, que criava um prelúdio para anteceder seu raciocínio. Hënker o observava com atenção enquanto permitia que as palavras lhe atingissem, esperava pelo momento certo para começar a falar, pois já sabia que teria de explicar o que lhe impulsiona e o motiva a ser um guerreiro. Respirava fundo ao notar o término das palavras do General. Atento ficou quando ele guiou Aileen até as cortinas que separavam uma parte da sala, privando a conversa de ambos. O tempo não demorou a passar e logo a mulher saiu de trás das cortinas e se despediu, partindo dali. Em contrapartida, o rapaz observava Oziel lhe convocar para o mesmo recinto utilizado para a conversa com Aileen. – Pois não senhor... Os orbes esverdeados miravam para a frente, mas olhavam para o nada, viajavam para um passado distante. – O principal fator contribuinte para meu alistamento na guarda de Mirakel foi sem dúvida as consequências da Batalha de Ledile. Iniciava a explicação após ter atravessado o tecido. – Perdi meus pais para os bruxos e metade do povo de minha vila também. Fui criado por meu avô que durante um grande período de tempo serviu a nossa Rainha. Mas já idoso e aposentado, as únicas coisas que ele pôde fazer foi me ensinar a caçar para viver e sobreviver. Ao ver o esforço que ele fazia para cuidar de mim, acabei sendo alimentado pela vontade de seguir os passos dele, e ainda mais agora que ele faleceu... A expressão de tristeza era notória ao tocar no assunto, mas não recuava por momento algum, permanecia firme contando sua história. – Me vejo mais determinado a tomar o caminho de meu avô como exemplo. Sei que em alguém lugar lá no céu ele me observa e a única coisa que eu quero é que ele sinta orgulho de mim. Fechava o punho destro e olhava para o mesmo. Era como se fosse o símbolo de seu desejo que estava a sua frente. – Não sofri com o choque de ver meus entes-queridos partirem diante de meus olhos assim como aconteceu com o senhor, mas ainda assim... Os dentes se forçavam uns contra os outros enquanto um esboço de raiva lhe tomava o rosto. – De toda forma, o que me mantém sempre empolgado e disposto para este trabalho é a vontade que tenho de conquistar o nosso respeito... De libertar todos os drinaels que ainda estão sob o controle dos bruxos. Somos uma raça livre e eu quero que isso fique bem claro para todos. A minha ambição é deixar um marco na história para que todas as civilizações entendam que nós não somos submissos a ninguém! Esculpia uma feição de extrema seriedade, proferia palavras determinadas e verdadeiras. Após tanto falar, aguardou para ver o que seu superior teria a questionar ou à acrescentar.
avatar
Van der Hënker
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 600
Galeões : 14882

Ficha de Personagem
Sangue: Puro
RESUMO DO PLAYER:

https://twitter.com/PedroSantanaq

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Oziel Osshëru em Sab Mar 02, 2013 2:23 am


the protector
A conversa com a elfa foi breve. Depois desta, Aileen se retirou, e então, era a vez do outro elfo. Oziel chamou seu nome em tom grave e e ele veio sem demora, em completa disposição. Sem hesitar, contou-lhe sua história. Pais mortos contra os bruxos. Perdas em sua vila. A história parecia variar, e ainda assim, continuar sempre a mesma, para tanto deles. E todas elas começavam entre perdas lastimáveis. Oziel o escutara completamente em silêncio, analítico. Em seguida, prestou um minuto de respeito, em silêncio, como deveria ser feito aos mortos pela guerra e então, com um aceno de cabeça significativo de quem tem apreço pelo que ouviu, voltou a discursar. - Lamento por suas perdas, aspirante. Elas nunca são fáceis. - E pausou um instante, para mostrar que não eram lamentos vãos. Prosseguiu - Mas seu avô parece ter sido um de nossos sábios. Se a Rainha o tinha consigo, eu confio que sua linhagem é digna de todo o respeito. Quanto à sua ambição... Vamos mudar essa palavra. Use "é meu objetivo". A diferença é sutil, mas o propósito é maior. Cabe melhor à você. - Dizia o General, a irreverência na postura, mas o semblante sério não mantinha aura grosseira. Era sincero. - Agradeço por compartilhar sua história. Antes de soldados, somos uma nação de irmãos. Somos um, e somos muitos. Minha história, é sua história, é nossa história. E é importante ter uma formação como esta, um elo como esse, de aprendizado. Hoje, a aula foi para mim. - Concluiu, o tom sereno, sempre sério. Os olhos pareciam não mover-se nenhum milímetro além do semblante do outro - Mas na noite à vir, peço que se prepare. Agora que conheço seu espírito, e sua história, será hora de conhecer sua força. E a partir de hoje, é bom que ela seja apenas renovada, jamais retraída. - Disse-lhe, e findou o assunto com tom de reticências, deixando o assunto à reflexão. - Eu os verei em uma noite seguinte, e aviso: tragam consigo o que sabem de melhor. O arco, a espada ou o espírito. - E o tom alterou-se minimamente, agora com um quê de ordem e incentivo. Fez uma menção com a cabeça, sutil e mecânica. - Dispensado, aspirante. E tenha uma boa noite.

GENERAL
CANNON
DRINAEL
diseñado por shiki @ sourcecode
avatar
Oziel Osshëru
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 119
Galeões : 11941

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Van der Hënker em Sab Mar 02, 2013 2:40 am

ㅤㅤ Percebia o silêncio que tomava o ambiente. Eram ambos lamentando pelas mortes de seus conterrâneos. Aquilo não afetava o espírito do jovem diretamente, pois ainda que tivesse grande apreço por sua terra, seus parentes e amigos, sua alma sempre foi a de um aventureiro, mas a partir do momento em que entrou em treinamento, viu que ainda lhe faltava algo... Algo que nem o próprio saberia dizer o que é. A única coisa que sabia é que não estava completo, mas se dispunha a aprender com Oziel, que logo fazia menções honrosas ao avô de Hënker. Naquele momento o semblante se fazia mais amistoso enquanto desfrutava da sabedoria de seu General. Ao escutar sobre a diferença entre ambição e objetivo, encarava sereno o homem e assentia com a cabeça, em forma de entendimento. Sabia também que drinaels eram, por excelência, protetores da natureza e não máquinas de combate, por isso compreendia imediatamente a metáfora usada pelo conselheiro. Prestava atenção as últimas considerações e ficava lisonjeado pelas palavras de Osshëru, que não fez rodeios para dizer ao jovem que no próximo treino seria necessário mais do que espírito e vontade... Força! Seria testado então como um guerreiro ao todo, e normalmente ficava empolgado com esse anúncio. – Boa noite General. Respondeu a liberação de seu senhor com uma expressão de satisfação pela conversa, estava agradecido por ampliar seus horizontes. Batia continência mais uma vez antes de retirar-se, até que por fim o fez, saindo dali menos pensativo do que da última vez, mas não menos reflexivo.
avatar
Van der Hënker
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 600
Galeões : 14882

Ficha de Personagem
Sangue: Puro
RESUMO DO PLAYER:

https://twitter.com/PedroSantanaq

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Idriel Manwëvala em Qui Mar 14, 2013 7:51 pm

POR QUE EU

só preciso de uma flecha.



... Que tipo de lugar era aquele? Pelos Deuses, a quanto tempo não visitava seu lar? Olhou para dentro do ambiente e se surpreendeu, fazia talvez meses que saiu de Mirakel e o lugar estava com um quartel completamente novo! Ficou tentado com a ferraria do lugar, talvez mudasse suas coisas dali mas ainda sim, bem, dependeria de certas coisas, compras de materiais com Saeros. Maldita do olho junto Reclamou o elfo antes de se espreguiçar, esticar os músculos do corpo enquanto se aquecia para começar o treinamento de arco e flecha ali, solitário na sala de treinos... Será que um dia conseguiria trazer Oziel ou Andilla para aquele lugar, somente para uma rápida lutinha?



Interagindo com ?? // Duas e tanto da madrugada. // thanks flarniusops
avatar
Idriel Manwëvala
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 409
Galeões : 8611

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

http://www.hogwartsanime.com/t2692-idriel-manwevala#86313

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Aileen Keth Heel em Qui Mar 14, 2013 8:14 pm



Merin sa haryalye alasse!
Aileen Keth Heel



Precisava voltar aos treinos, já havia passado muito tempo em descanso em Mirakel, nem sequer ia ao dormitório e ja vagava a passos rápidos na sala de treino, talvez visse seu senhor Oziel se tivesse sorte, ou o amigo Van, mais ao chegar na sala via que nenhum dos dois ali se encontrava, no entanto uma silhueta não desconhecida estava ali, assim ela tirava a boina e os lumys logo iam para dentro ficando sobre uma raiz na sala ela deixava o bastão no canto e se virava para o rapaz o tinha conhecido tempos atrás, era o Príncipe filho do senhor Oziel, com fato confirmado ela cruvava o corpo em reverência.

- Príncipe Idriel.



Êl síla ned lû e-govaded vín.!
avatar
Aileen Keth Heel
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 116
Galeões : 11497

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Idriel Manwëvala em Qui Mar 14, 2013 8:27 pm

POR QUE EU

só preciso de uma flecha.



Como tinha pensado antes, qualquer elfo que o reconhece já se curvava como se ele fosse alguém importante e não era, ele não era casado com Elleanor para ser príncipe e seu pai não era rei, apenas o General. Me chame apenas de Idriel... Ou "você" também. Arriscou o elfo enquanto revirava os olhos e notava que o bastão da menina encostado em um canto da sala. Veio para treinar? Pegue-o de volta, eu vou lutar contra você Falou o moreno enquanto estalava o pescoço, os ombros e os dedos. Deixou seu arco, sua aljava e besta em um canto e lançou a adaga de opala contra o alvo ao longe, não na garota e sim naqueles usados para praticar a mira. Tinha coisa melhor que exercitar o corpo e aquecer o sangue do que lutar no mano a mano? Colocou-se em postura de defesa e sorriu, esperava suar bastante pelo menos.



Interagindo com ?? // thanks flarniusops
avatar
Idriel Manwëvala
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 409
Galeões : 8611

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

http://www.hogwartsanime.com/t2692-idriel-manwevala#86313

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Aileen Keth Heel em Qui Mar 14, 2013 9:08 pm



Merin sa haryalye alasse!
Aileen Keth Heel



Ouvia o rapaz e assim se erguia, estranhava um pouco sua atitude mais por fim suspirava, olhava o bastão pelo canto dos olhos, mais assim que voltava a fita-lo ela dava de ombros.

- Se assim prefere, Idriel... Não preciso do bastão, punho a punho.

Um sorriso se fazia nos lábios pálidos da elfa, uma das coisas que mais adorava era lutar, e um dos motivos de estar ali era este.

- Sinta-se a vontade para começar.




Êl síla ned lû e-govaded vín.!
avatar
Aileen Keth Heel
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 116
Galeões : 11497

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Idriel Manwëvala em Qui Mar 14, 2013 9:23 pm

POR QUE EU

só preciso de uma flecha.



Sendo sincero, estava com pressa de botar o corpo para agir, para aquecer com a adrenalina em suas veias. Não esperou a elfa terminar de falar, quando ela estava ainda dizendo Sinta-se a vontade, raspou a sola do pé direito no solo e chutou o ar de forma que o pé riscasse o mesmo na frente da elfa. Fale menos. Lute mais. Apenas ordenou isso enquanto deixava os pés fluírem em chutes aleatórios pelo corpo da elfa, esperando acertar em alguns e reações de defesa dela em outros mas, se tudo fosse defendido seria bom, era sinal que seria uma luta boa para aquecer seu sangue rebelde... Por que ele usava somente as pernas? Bem, em seu tempo de vida mortal, Idriel adorava treinar Muay Thay apenas por que era mais fácil desmaiar alguém com um chute rápido na cabeça ou no queixo, tchan.



Interagindo com ?? // thanks flarniusops
avatar
Idriel Manwëvala
Drinaels
Drinaels

Mensagens : 409
Galeões : 8611

Ficha de Personagem
Sangue:
RESUMO DO PLAYER:

http://www.hogwartsanime.com/t2692-idriel-manwevala#86313

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de Treino

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum